terça-feira, 20 de julho de 2010


Nem imaginas a tempestade
e o desabrigo em que deixaste minha alma
ao partir.
O vazio que fica é pior que a despedida...(JU)

Nenhum comentário:

Postar um comentário